Dança à Deriva 2016 | 4ª Edição

Entre 1 a 7 de agosto de 2016 o Dança à Deriva chegou à sua 4ª edição - sendo o Centro de Dança Umberto da Silva da Galeria Olido o espaço escolhido para receber espetáculos, performances, rodas de conversa, debates, lançamento de livro e exibição de vídeos de 19 coletivos artísticos de países como Argentina, Brasil, Bolívia, Chile, Colômbia, México, Uruguai, Paraguai e Guatemala.

 

A Mostra, que se dá sempre com o propósito de facilitar e estimular trocas de experiências entre os artistas, fomentando o diálogo entre as nações por meio da linguagem da dança, trouxe para a cena espetáculos que evidenciam processos de pesquisa de linguagem que arriscam novas estéticas e outros novos modos de se relacionar artisticamente com o corpo e com as ideias nele perpassadas. O evento potencializou coletivos que buscam alternativas para realizar seus projetos poéticos numa perspectiva mais horizontal, de parcerias e estratégias. Desenhou, assim, um novo mapa de possibilidades, fortalecendo processos colaborativos de criação e de produção e, sobretudo, abrindo caminho para que as produções nacionais pudessem circular por outros países deste continente diverso e multifacetado, dando espaço para o que pouco se discute na dança: a internacionalização.

Arranje a galeria como quiser!

Clique na foto para aumentar

FORA TEMER